|

O fígado – O que é doença hepática?

O Fígado

O fígado é um dos órgãos mais vitais do corpo. Uma de suas principais funções é decompor os nutrientes que obtemos dos alimentos e convertê-los em glicose, que pode ser usada como energia imediata ou armazenada sob a forma de glicogênio para uso posterior. O fígado também filtra substâncias prejudiciais da corrente sanguínea, garantindo que sejam eliminadas do corpo. Outra função do fígado é produzir bile, que ajuda na quebra das gorduras e auxilia na digestão.

Doenças do Fígado

As doenças do fígado estão se tornando uma preocupação médica cada vez mais importante em escala global. A hepatite, da qual existem dois tipos, A e B; a cirrose e o câncer de fígado estão entre as doenças mais comuns. O álcool é um fator principal na causa das doenças do fígado.

A hepatite A é encontrada principalmente e se propaga através de alimentos e água contaminados ou pelo contato próximo com uma pessoa infectada. Ao contrário de sua contraparte, a hepatite B é transmitida através do sangue e dos fluidos corporais. Portanto, pode ser contraída através de relações sexuais desprotegidas, compartilhamento de agulhas ou de uma mãe infectada para seu bebê durante o parto.

A cirrose é uma condição médica que ocorre quando o tecido hepático saudável é substituído por tecido cicatricial. Naturalmente, quando o tecido cicatricial está presente, a função hepática diminui. A exposição a carcinógenos ou uma doença hepática prolongada também pode causar câncer de fígado. Alguns dos sintomas das doenças do fígado podem incluir fadiga, dor abdominal e icterícia.

Um sinal característico da icterícia é quando a pele e os olhos começam a ficar amarelados.

Fígado Enfermedad hepática Prevención holística de enfermedades hepáticas Remedios naturales para el hígado Desintoxicación del hígado Limpieza del hígado Medicina energética

O Fígado e a Medicina Energética

Na Medicina Energética do Qigong, o fígado está intimamente ligado a emoções como a raiva e a frustração. Quando alguém sente raiva ou frustração regularmente, isso causa uma acumulação tremenda de energia negativa, que fica estagnada no fígado. Isso causa uma interrupção em seu funcionamento normal. A exposição excessiva a emoções intensas, como raiva e frustração, também causa a produção excessiva do hormônio do estresse “cortisol”.

Esse hormônio do estresse pode danificar as células do fígado e causar inflamação. É quando a energia se torna completamente tóxica que manifestamos sintomas físicos, como problemas digestivos, dores de cabeça e fadiga crônica.

Na Medicina Energética, acredita-se que a prática de exercícios específicos pode ajudar a equilibrar emoções e promover a saúde do fígado. Esses exercícios se concentram em liberar emoções negativas, acalmar a mente e promover o fluxo de energia por todo o corpo. Remédios naturais também podem desempenhar um papel significativo na saúde do fígado.

Prevenção de Doenças Hepáticas

A prevenção é melhor do que a cura, por isso é melhor:

      1. Moderar a quantidade de consumo de álcool ou evitá-lo completamente.

      1. Minimizar a exposição a produtos químicos prejudiciais.

      1. Seguir uma dieta saudável rica em frutas frescas e vegetais amigos do fígado, como vegetais de folhas verdes e beterrabas, grãos integrais e proteínas magras.

      1. Evitar o consumo de alimentos processados.

      1. Reduzir o consumo de açúcar e sal.

      1. Beber muita água – manter-se hidratado ajuda a eliminar toxinas do fígado e de outros órgãos.

      1. Tomar um suplemento como o cardo-mariano e/ou a cúrcuma, que também se acredita ajudar na desintoxicação do fígado e em mantê-lo saudável. Aliás, o cardo-mariano contém silimarina, que é um antioxidante comprovado que protege as células do fígado contra danos. A cúrcuma, por outro lado, contém curcumina, que possui propriedades anti-inflamatórias que não apenas apoiam o fígado, mas todas as células do corpo.

      1. Outros suplementos recomendados são o bupleurum, que desde a Covid-19 tem se tornado cada vez mais difícil de encontrar, e Exipure (ver abaixo).

      1. Fazer exercício regularmente, seja caminhadas, ciclismo, natação ou dança na sua sala de estar, ajuda a reduzir o risco de desenvolver doenças hepáticas. Como pessoas com excesso de peso têm um risco maior de desenvolver doenças hepáticas, o exercício regular pode auxiliar no controle do peso.

      1. Aprender técnicas de controle de raiva, frustração e estresse, como meditação mindfulness, yoga e exercícios de respiração profunda. Essas são apenas algumas das ferramentas que podem ser usadas para acalmar a mente e ajudar a controlar melhor as emoções negativas.

        Uma mudança na mentalidade e aprender a controlar nossas reações emocionais, em qualquer circunstância, é crucial para a cura do corpo de qualquer doença.

    Similar Posts

    Leave a Reply